Pesquisar este blog

SEJAM BEM VINDOS AO BLOG DO MARCILIO BOIÃO

COM DEUS NADA ME FALTARÁ

VOCÊ É MAIS UM VISITANTE A ESSE BLOG

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Técnico e presidente pedem demissão do Icasa, que pode sair da Série C

O Icasa viveu mais um dia negro nesta quinta-feira (09). Em crise interna e colapso financeiro, o Verdão do Cariri viu o técnico Tarcísio Pugliese e o presidente, José Hilton, pedirem demissão de seus respectivos cargos. O clube corre o risco de não terminar o torneio nacional.
(Foto: Normando Soracles) 
Em entrevista ao Diário do Nordeste Online, Hilton afirmou que todos os problemas vividos pelo clube são consequência da atual crise financeira. Atletas, comissão técnica e funcionários do Icasa estão com até três meses de salários atrasados.
José Hilton afirma que o Icasa está se mantendo apenas com a renda dos jogos, o que é insuficiente. O clube não recebe cotas de tramsissão dos jogos e não há patrocínios.
Segundo o mandatário icasiano, tudo começou com o choque de ideias e interesses entre a diretoria e o investidor Artur Aboim, que exigiu a demissão do treinador.
"Nosso investidor nos informou que só colocaria dinheiro no clube se Tarcísio (técnico) fosse demitido. Porém, não tínhamos como fazer isso, ele (Tarcísio) nos salvou do rebaixamento do Campeonato Cearense e está fazendo um grande trabalho na Série C, além de ser um grande homem", pontuou José Hilton.
O presidente afirmou que recebeu o pedido de demissão do treinador às 8h desta quinta-feira. Segundo o mandatário, Pugliese entregou o cargo para "o bem do Icasa".
Aboim x Pugliese
A insatisfação de Artur Aboim com o técnico icasiano começou quando o treinador tirou o atleta Luis Gustavo do time.
Desde então, o investidor passou a pedir a cabeça do técnico para a diretoria do Icasa, mas o pedido nunca foi aceito pelos diretores.
Segundo o presidente José Hilton, Aboim chegou a ter três atletas no elenco - Bismark e Reginaldo Júnior, que ainda estão no time, além de Luis Gustavo, que já deixou o clube.
Série C
Com 10 pontos, o Icasa é o 3º colocado na Série C e está atrás apenas do Luverdense e do Fortaleza. Contudo, o futuro do clube no Nacional é uma incógnita.
Devido ao atraso no salário, os jogadores já não treinam mais e deram a garantia de jogar apenas a partida contra o Salgueiro, neste domingo (12), em Juazeiro do Norte. O presidente afirmou ao Diário do Nordeste Online que não há garantias de que o Icasa irá terminar o torneiro.
Para evitar a deserção do campeonato, José Hilton pediu apoio à Confederação Brasileira de Futebol (CBF), alegando que o atraso para o início da competição prejudicou a saúde financeira do clube, e para a Federação Cearense de Futebol (FCF).
Contudo, apesar do contato com as entidades durante esta quinta-feira, não houve nenhuma resposta oficial das partes procuradas.
Com a demissão de José Hilton, o problema passa a ser de Cícero de Lacerda, que será confirmado nesta sexta-feira (10) como novo mandatário icasiano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço deve ser usado de forma consciente e respeitosa. Críticas, sugestões e opiniões são moderados pela administração do site. Comentários ofensivos, com expressões de baixo calão, ou manifestações de cunho político e/ou eleitoral, não serão aceitos.

Comentar

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.