Pesquisar este blog

SEJAM BEM VINDOS AO BLOG DO MARCILIO BOIÃO

COM DEUS NADA ME FALTARÁ

VOCÊ É MAIS UM VISITANTE A ESSE BLOG

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Danilo Forte quer redução nas contas de luz

A Medida Provisória do Setor elétrico vem em boa hora para promovermos a redução nas contas de luz no Ceará, estado que tem hoje, ao lado de Pernambuco, uma das tarifas mais caras do Brasil. A opinião é do Deputado Danilo Forte que apresentou emenda à MP nesse sentido. Pela iniciativa do parlamentar cearense, as contas de luz poderão ficar 10% mais baratas a partir do final deste ano, tanto para os consumidores residenciais quanto para as indústrias. “Além de beneficiar diretamente o trabalhador, com a redução na sua conta de luz, queremos, ao incluir os setores industriais em nossa emenda, contribuir também com a geração de emprego”, diz Danilo Forte, acreditando que a economia para a indústria se reverterá em investimento do setor e, conseqüentemente, a criação de novos postos de trabalho.
Os consumidores cearenses e pernambucanos pagam tarifas mais caras porque os dois estados não produzem energia que passa a ser adquirida dos estados geradores. Na prática, os consumidores pagam pela geração e distribuição. No Ceará, a geração e a distribuição são feitas por empresas do mesmo grupo, o que comprou a Coelce na época da privatização, e não por leilões públicos realizados pela ANEEL. Por meio dessa situação, permitida pelo marco legal anterior, o preço dessa operação, superior ao dos leilões públicos, é repassado aos consumidores nas contas de luz. “A Medida Provisória 579, que recebeu 431 emendas, estabelece novas regras para o setor elétrico, apresentando-se como a oportunidade de corrigir essa distorção que penaliza os consumidores cearenses”, afirma Danilo Forte que já está mobilizando as bancadas do Ceará e de Pernambuco para se unirem pela aprovação de sua emenda.
Fonte: Roberto Moreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O espaço deve ser usado de forma consciente e respeitosa. Críticas, sugestões e opiniões são moderados pela administração do site. Comentários ofensivos, com expressões de baixo calão, ou manifestações de cunho político e/ou eleitoral, não serão aceitos.

Comentar

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.